Falcoaria

Publicado: 05/05/2009 em arquivo- x, curiosidades

História

A falcoaria ou Cetraria é a arte de criar, treinar e cuidar de falcões e outras aves rapaces para a caça. È praticada desde a Idade Média com falcões, açores, francelhos e outros rapaces, que têm a capacidade de perseguir uma presa no ar ou no solo até derrubá-la ou matá-la.

Os registros mais seguros sobre a idade da falcoaria são gravuras ilustrando claramente um falcoeiro em atividade, encontradas no século passado em ruínas na Mesopotâmia e datadas como sendo de 1700 a.C., contudo, registros mais antigos levam a crer na utilização de falcões como presentes oferecidos a príncipes chineses durante a dinastia Hia (provavelmente iniciada em 2205 a.C.).

A falcoaria era um esporte popular entre os nobres da Europa medieval e do Japão feudal, verdadeiro símbolo de status. No Japão é chamada de takagari.

Ovos e filhotes dos pássaros de caça eram raros e caros, e o processo de criar e treinar falcões requer tempo, dinheiro e espaço – o que restringia sua prática à nobreza. No Japão havia, sérias restrições em relação a quem poderia caçar, quais as espécies animais que poderiam ser caçadas e onde, tomando-se por base a hierarquia da pessoa na casta dos samurais.

Na arte, como noutros aspectos culturais, como a literatura, a falcoaria permaneceu como símbolo de status mesmo depois de haver perdido o interesse entre seus praticantes. Águias e falcões empalhados, e expostos nas paredes, simbolizavam metaforicamente que seu proprietário era nobre e valente.

Gravuras ou quadros com falcões ou cenas da falcoaria poderiam ser compradas pelos ricos, e exibi-los era algo mais cômodo que a prática do esporte, servindo igualmente para índice de certo grau de nobreza e status.

O imperador Ferederico 2°, rei da Sicília e de Jerusalém, escreveu no século 13 o tratado sobre falcoaria “De Arte Venandi cum Avibus”, traduzido para o inglês em mais de 500 pá­ginas. Com a obra, Frederico 2° tornou-se expoente histórico do adestramento de aves, dentro do “espírito da ciência moderna”.

Aves utilizadas

* Asas largas: águias, búteos, gavião-asa-de-telha.
* Asas longas: falcões.
* Asas curtas: Accipiter – gaviões e açores

Algumas espécies brasileiras dessas aves são:

Asa de telha

asa-de-telha

Coruja buraqueira

coruja-buraqueira

Coruja da igreja

coruja-de-igraja

Falcão de coleira

falcao-de-coleira

Gavião carijó

gaviao-carijo

E a grande estrela deste post:

Harpia

É rápida e possante em suas investidas sendo capaz de levar para a árvore uma presa de grande porte.

Sua alimentação é composta de animais de porte médio, como aves, macacos e preguiças, que são capturadas quando tomam sol nas copas das árvores, de manhã cedo.
Elas caçam pelo menos dezenove espécies de animais, desesseis destas são arborícolas.

harpia

Há no entanto,varios segmentos nessa atividade.

São eles:

Falcoaria Desportiva: Quando se fala em falcoaria desportiva se está falando de caça, capturar presas
na natureza em seu estado selvagem usando aves de rapina. Essa prática contudo, não é prejudicial ao meio
ambiente como por exemplo a caça com armas de fogo, uma vez que as aves de rapina capturam geralmente
os indivíduos mais incapacitados e fracos. Desta maneira a falcoaria estaria de facto melhorando o “pool
genético” da espécie.
A falcoaria desportiva se divide em duas: A falcoaria de altanaria ou alto vôo e a falcoaria de baixo vôo.
Na primeira o falcão sobe alto no céu e após o falcoeiro ou o cão localizar e de levantar a presa ele faz um
mergulho em alta velocidade chegando a atingir no caso do peregrino quase 400 km/h.
Na falcoaria de baixo vôo, a ave é solta atrás da presa e faz o que chamamos de perseguição de cauda
tentando capturar a presa.

Falcoaria de Reabilitação: Essa prática visa preparar uma ave para seu retorno à natureza.
Infelizmente, grande parte das aves de rapina que chegam aos centros de reabilitação, não é apta a serem
retornadas ao seu meio ambiente. O retorno de aves de rapina à natureza deve ser algo feito com muito
critério e não apenas para se esvaziar um viveiro.

Falcoaria de entretenimento: Nesse tipo de falcoaria o objectivo é entreter o público. Para isso, se faz
um espectáculo circense, que não deve ser feito no caso da falcoaria para educação ambiental, onde se deve
procurar ficar dentro da biologia da ave. O público-alvo também é diferente. Enquanto na falcoaria para
educação ambiental visa o trabalho com crianças e escolas, a de entretenimento visa empresas, parques de
diversão, etc. O objectivo desta é o entretenimento e não a educação como a outra.

Falcoaria para reprodução: Aqui o objectivo é conseguir a reprodução. Para tal é necessário que o
casal aceite a presença do tratador e do falcoeiro dentro de seu território pessoal. Neste tipo de falcoaria se
faz apenas o amansamento, que é a primeira fase do treinamento de uma ave de rapina. Com as técnicas de
falcoaria se consegue hoje reproduzir aves em viveiros minimalistas com grande sucesso. Essas técnicas
facilitam muito a reprodução em cativeiro de aves de rapina.

Falcoaria para controlo de espécies problemáticas: Esse tipo de falcoaria tem por objectivo
remover de um dado local indivíduos de alguma espécie de animal que esteja causando algum transtorno ao
homem. O falcoeiro com suas aves domina aquele território eliminando a presença desta outra espécie. É
importante deixar claro que controle ambiental não é ir a um local e caçar, caçar até eliminar essa espécie.
O importante é após um período de confronto, onde realmente há alguma predação, se estabelecer esse
território deixando aquela área sem problemas. Isso é muito usado em aeroportos, celeiros, pavilhões,
industrias, plantações. Existe gente competente fazendo isso com sucesso.

No Brasil

A falcoaria no Brasil se tornou um ponto polêmico em 2007, uma vez que o Ibama propôs uma instrução normativa que regulamenta a prática para controle de fauna e reabilitação de aves de rapina, apesar de haver divergências dentro do próprio órgão.

Segundo o analista ambiental do Ibama em Brasília, Marcelo Almeida, a intenção é que os falcoeiros sejam divididos em categorias de aprendiz, júnior, sênior e mestre, podendo ainda utilizá-los como auxiliares no trabalho de combate à infestação de pombos em galpões de grãos ou praças públicas e usar as aves de rapina nas regiões aeroportuárias.

Contudo, a seção do Ibama em São Paulo duvida sobre a eficiência da falcoaria como controle de pragas e considera uma falácia o emprego da prática em aeroportos.

Atualmente, existem cinco associações de falcoaria: A Associação Brasileira de Falcoeiros e Preservação das Aves de Rapina (ABFPAR), a Associação Mineira de Falcoaria (AMF), Associação Paulista de Falcoaria (APF), Associação Cearense de Falcoaria (ACF) e a Associação Baiana de Falcoaria (ABF).

Agora um pouco do que essas aves são capazes de fazer.

comentários
  1. gostaria de adquirir uma ave rapina,legalmente sem ter problema com justiça aonde vcs podem me indicar criador responsavel grato.

  2. Calimério Borges Gamero disse:

    Prezados,

    Sou um apaixonado por aves desde crianças. No momento sou criador de curiós, registrado no IBAMA e sempre curti muito a falcoaria. Resido atualmente em Curitiba-PR

  3. Calimério Borges Gamero disse:

    Prezados,
    Sou um apaixonado por aves desde criança, quando escalava árvores altas a procura de ninhos de gavião para cuidar dos filhotes e amança-los para adestrá-los, mas sem muito sucesso. Atualmente sou criador de curiós com registro no IBAMA como criador amador. Resido em Curitiba e me interesso muito por falcoaria. Gostaria de mais informações a respeito de cursos, como adquirir aves de rapina legalmente para eu poder me desenvolver na “arte”. Aguardo contato e desde já parabenizo pelo trabalho.

  4. domfernando disse:

    Ola Calimério,moro aqui no parana também,mais especificamente na cidade de Andirá,ao norte do estado,sou apaixonado por aves e ja fui criador comercial de calopsitas e agapornis,quanto ao curso,tenho um amigo que fez e falou que aprendeu bastante.
    Vou me informar com ele e lhe mandarei o recado por esse seu e-mail.

    Obrigado pela visita,abraços !!!!!!

  5. Izabela disse:

    Olá…
    Bom 1° quero dizer que é lindo a sua pag.
    Bom estou fazendo um trabalho academico..
    Na qual escolhi a Arte da Falcoaria como tema…
    Gostaria de saber se vc tem mais alguma informação..?
    pesquisei bastante..foi assim que vim parar aqui rsrs..
    Se puder ajudar!
    Desde de já agradeço…

  6. domfernando disse:

    Tenho sim…tenho um amigo q é professor na arte e tem 13 aves,ehehehe

    Qualquer coisa me avise

    abraço

  7. WEDSON disse:

    COMO FAÇO PRA CONSEGUIR UMA CORUJA DE IGRA PRA CRIA MAIS LEGALISADA PELO IBAMA ?

  8. WEDSON disse:

    COMO FAÇO PRA CONSEGUIR UMA CORUJA DE IGREJA PRA CRIAR MAIS LEGALISADA PELO IBAMA !

  9. domfernando disse:

    Ixi.é complicado,vc tem q ir falar com o ibama da sua região e adquirir um animal desses em criadouros especialisados,onde vem anilhado e tudo mais.
    Abraços

  10. ALEXSANDRO BARCELOS disse:

    olá , eu sou do estado do Espirito Santo , e achei um filhote de gavião quando fui cortar um pé de banana em minha propiedade, o ninho estava em cima do cacho e avia um filhote de gavião carijó de aproximadamente de 8 semanas , levei pra casa pra cuidar , queria saber como faço pra legalizar essa ave ,e se existe no meu estado alguem que saiba a arte da falcoaria , e quanto custa para adestrar essa ave e também para legalisala no IBAMA .

    desde já obrigado pela atenção .

  11. domfernando disse:

    Meu nobre Alexsandro,por mais boa intenção que você possa ter tido,você está com uma ave irregular em suas mãos.
    Tirou-a da natureza e a está mantendo em cativeiro,pode até estar sendo bem tratada,com amplo espaço para voar,etc..mas mesmo assim está ilegal.
    O que você tem a fazer é levar essa ave até o Ibama e la pedir para lhe informar algum criatório legalizado,que possa vender essa ave a você,anilhada e catalogada,sem perigo de ser preso.
    Há falcoeiros em todo o Brasil,se você for ao Ibama,certamente lhe informarão o procedimento correto que deve seguir.
    Grande abraço

  12. andre disse:

    Boa tarde

    estou tentendo encontrar um curso de especialização em aves de rapina, e gostaria de saber se vcs possuem este curso , se tem a distancia ou se conhecem alguma instituição que a aplique.
    estou em brasilia e por aqui nao consegui localizar

    att

    andre

  13. andre disse:

    favor me responder via e mail…..

    grato pela a atençao

  14. ola gostaria de saber como e onde comprar uma ave de rapina legalisada,pois sou um apaixonado por essas aves,mas gostaria de ter uma legalmente se puder me ajudar agradeço!

  15. adilson nunes disse:

    ola sou um apaixonado por aves de rapina mas nao conheco ninguem que comercialize legalmente e gostaria q me informasse alguem que venda legalmente e tenho mto tempo para cuidar desse animal e desja ja obrigado …..

  16. domfernando disse:

    A todos interessados em adquirir essas aves,entrar em contato com o Ibama de seu estado.

  17. Karla Neves disse:

    Gostaria de entrar em contato com a Associação Paulista de Falcoaria, mas não consigo encontrar um telefone para fazê-lo. Você poderia me enviar esta indicação?
    Obrigada!

  18. levi disse:

    olá
    eu sou um amante de aves de rapina e gostaria de saber com quantos anos se pode comesçar a aprender a arte da falcoaria.

    muito obrigado!

  19. domfernando disse:

    Como disse,a todos os interessados nessa arte,entrar em contato com o Ibama do seu estado.
    Abraços

  20. Izabel disse:

    oi, eu gostaria muito de saber mais sobre onde posso adquirir o direito para criar e treinar falcões, mas não sei por onde começar, se vc puder me ajudar eu agradeço muito!!!

  21. Minha filha quer conhecer alguma Associação de Falcoeiros aqui em São Paulo-SP.
    Podem informar o enderêço e telefone?
    Obrigada.

  22. Gostaria de obter o enderêço e telefone de alguma Associação de Falcoeiros em São Paulo-SP. Obrigada.

  23. thiago nunes disse:

    eu gostaria de compra um gavião ou um falcão, omde vende?

  24. graça carvalho disse:

    gostaria de fazer o curso para adestrar minhas aves. vcs sabem quem ministra esses cursos? e qnto tempo eu levaria pra adestrar meus bixinhos.e qnto eu iria gastar? com o curso?

  25. Wanderson Maia disse:

    Sou amante da falcoaria faz tempo..sempre admirei essas belas armas de combate ,,meu rapinante preferido Gaviao Asa de telha ..por ser muito inteligente ele mostra total confiança em seu dono.. as pessoas que querem comprar uma ave legal. visitem o site do criadoro Leo Fukui , ele é uma lenda viva na falcoaria,simplismente o mestre.
    Ocriadouro fica na cidade de São gonçalo , Rio de janeiro envia aves para tdo Brasil
    o seu resistro no IBAMA, autorização de manejo da fauna silvestre nº0000000027/2008-RJ
    ai vai o site http://fukui.awardspace.com/

  26. Pedro disse:

    oi amigo eu tenho um gavião mais na cidade onde moro não tem uma associação de falcoaria para que eu possa treinalo.Eu moro aqui no Paraná em Maringá.
    e como eu faço para o treinar. sera que n ]ão tem um tipo de curso que eu possa fazer para eu possa adestralá???

  27. eliandro disse:

    Ola meu amigo, amo aves, e agora que tenho tempo, gostaria de me dedicar a falcoaria, sou de curitiba, PR e gostaria de me registrar no IBAMA para me legalizar, gostaria de saber como posso fazer o curso antes de adquirir uma ave, estudar bastante, e me tornar um profissional, gostaria de sua ajuda sobre cursos e compra da ave, atenciosamente eliandro

  28. Anderson disse:

    Oi estou com um gavião carijo e estou com certa dificuldade em dar o que comer a ele alguem poderia me ajudar ? Meu e-mail fotografo275@hotmail.com

  29. nila lopes disse:

    Gostaria de adquirir um filhote de coruja registrado . Como proceder .
    Obrigada
    Nilza

  30. DIEGO BRANDAO disse:

    gostaria de compra um gaviao, de qualquer especie,
    sou criador amadorista, autorizado pelo ibama.

    aguardando resposta.

  31. Roberto disse:

    Olá.

    Preciso dos serviçoes de um falcoeiro no intuito de afastar espécies invasoras.

    Gostaria de saber mais a respeito.

    Aguardo resposta por e-mail (se possível).

    Abraço.

  32. renan disse:

    olá moro em santa catarina e queria saber onde possso comprar uma coruja suindara

  33. domfernando disse:

    Pela enésima vez !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Leia os comentários !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    IBAMA da sua região pô !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  34. Ivo Pereira disse:

    Caro amigo, sou piloto de aeronave e admiro muito aves de rapina, hoje quando cheguei de um voo me deparei com um gaviao carijó machucado, acredito que uma ambulancia que saiu em velocidade tenha atingido-o, trouxe o animal comigo, ele nao consegue voar, o que voce me recomenda fazer? Pensei em ir ao zoologico mais proximo.

  35. Ivo Pereira disse:

    Fernando, olha minha situaçao:
    O Zoologico nao tem autorizacao para receber o gaviao,
    O IBAMA aqui nao tem lugar nem alimento e disse que tenho que ligar para policia ambiental para buscalo.
    Rs… a Policia nao tem carro disponivel no momento.
    o que eu faco?

  36. Alan Góis disse:

    Fernando, bom dia.

    Você ou algum de seus contatos tem disponibilidade de fazer um treinamento de falcoaria na cidade de SP?

  37. Sandro disse:

    Oi boa noite DomFernando eu me chamo Sandro e como muitos sou apaixonado pela arte da falcoaria sou do estado de SP. da cidade de Pilar do Sul regiao de Sorocaba Eu gostaria muito de fazer um treinamento de falcoaria para apender mais se puder me ajudar ficarei agradecido valeu e ate mais.

  38. Fabricio Pinheiro disse:

    bom dia! Fernando tudo bom ? sou apaixonado por aves de rapina gostaria de saber quanto esta valendo um filhote? como faço para regularizar ? bem tem alguns que achei interessante como: gavião carijó, falcão peregrino, gavião-asa-de-telha, águia cinzenta , quanto vale ? gostaria que me ajuda-se. meu e-mail é bricio.p@hotmail.com

  39. Jean Lima disse:

    sou da PB, e gostaria mt de criar uma ave de rapina, especificamente uma harpia, como faço p estar dentro dos procedimentos legais? onde e como compro? GRATO!!!

  40. Thiago disse:

    Quanto custaria um falcao ou aguia e comom eu compraria..

  41. marcio disse:

    Eu gostaria de comprar um filhote de falcão ou gavião.como consigo legalmente

  42. carlos disse:

    Quero adquirir uma ave de rapina. se alguém souber entre em contato.

  43. Phelipe Falcon disse:

    quero adquirir uma coruja LEGALMENTE ! como faço ? me indicam algum lugar ?

  44. Dario Lucas disse:

    quero adiquirirnum falcao de coleira ou peregrino onde posso encontrar

  45. tabata disse:

    boa tarde dom fernando gostaraia de compra uma suindara , se souber onde eu possa comprar uma me passe o endereço por favor … obrigado

  46. André Luis disse:

    Quero muito ser falcoarista de reprodução principalmente de HARPIA, sei que é muito dificil conseguir exemplares legalizados, como eu faço? quero saber se o IBAMA apoia tendo em vista que a ave está quase em extinção.
    andllgster@gmail.com

  47. Adenir disse:

    Prezados,
    Deixo meu endereço de e-mail para orientar aqueles que queiram saber mais informações sobre os rapinantes, assim como os meios legais para a aquisição e criação dessas magníficas aves.
    adenirfilho.biorapinas@gmail.com

  48. Joao vitor Lacerda Braun disse:

    eu gostaria de ter um gaviao ou aguia como eu fasso para conseguir um destes legalmente no Rio Grande Do Sul. e como fasso para treinalo.

  49. ADRIANA BOMFIM disse:

    BOA TARDE,
    SOMOS UMA ESCOLA PÚBLICA E ESTAMOS COM PROBLEMAS COM POMBOS. GOSTARÍAMOS DE SABER SE EXISTE NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO ALGUM PROFISSIONAL QUE FAÇA CONTROLE DE ESPÉCIE PROBLEMÁTICA. POR FAVOR AGUARDAMOS RESPOSTA URGENTE ATRAVÉS DO EMAIL: umef_nicedepaula@hotmail.com.
    ATENCIOSAMENTE,
    EQUIPE PEDAGÓGICA.

  50. Cristina Zaccaria disse:

    Ola tudo bem??Acho lindo a Falcoaria pois adoro aves e essas são lindas demais!! Gostaria de saber onde tm essa pratica e se pode ser visitado e fazer a falcoaria não sei se assim que fala!!
    Aguardo reposta
    Cris

  51. Felipe Dutra disse:

    Gostaria muito de adquirir um gavião ou falcão,se alguem souber de alguém que queira vender por favor entrar em contato comigo..Obrigado
    Felipedutrapcmg@gmail.com

  52. fabricio gabriel disse:

    olá! Gostaria de saber onde encontro criadores regularizados para adiquirir um Quiriquiri! Moro em apucarana. Paraná desde já agradeço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s