A piada da justiça eleitoral

Publicado: 28/07/2010 em curiosidades

 

Nem começou direito essa sacanagem que são as eleições brasileiras  e a justiça eleitoral já entra de cabeça para competir com programas ´crítico-humorísticos como CQC,Pânico e Casseta.

Até agora a justiça eleitoral está caminhando a passos largos para ser a piada da vez.

A lei eleitoral nº 9.504/97 proíbe que emissoras de rádio e tv,tirem um sarrinho de nossos “ honrados” políticos.

Acredita nisso?

Os maiores piadistas( palhaços) do Brasil,os políticos,não podem mais ser incomodados com perguntas mais ácidas por parte da imprensa.

Ou seja,se você for entrevistar uma pessoa dessas,você tem que perguntar o que a pessoa quer responder.Ou o bicho  pega.

A lei diz que não se pode usar de "trucagem, montagem ou outro recurso de áudio ou vídeo que, de qualquer forma, degradem ou ridicularizem candidato, partido ou coligação".

images (1)

E a multa pra quem desobedecer essa ordem é pesada,pode chegar a R$ 200 mil !!!!

Fazem isso porque?

Para não oirar a imagem dos políticos do Brasil?

Chegou tarde lei nº 9.504/97,a classe já ta na merda faz tempo.

Querem proibir os programas humorísticos de fazerem piadinhas,mas e o resto dos programas?

Tudo o que envolve política no Brasil é piada gente,não tem jeito.

O ex-ministro do TSE,Fernando Neves,especializado em direito eleitoral,disse que as críticas dos humoristas são injustificadas(?).

Disse o Sr Fernando :

Acho justo que se protejam os candidatos para garantir a lisura das eleições. Uma emissora não pode fazer brincadeiras que deixem mal um candidato. É simples assim. A lei não permite, e acho que ela tem sua razão de ser.

Cadê a porra da liberdade de imprensa? De expressão?De pensamento? Do caralho a quatro?

Jogaram no lixo,tudo para proteger uma “ classe” distinta,livre de qualquer dúvida.

Há políticos sérios eu sei.Mas 98% deles não são !!!

pmdb

E você sabe disso.

Em países desenvolvidos essa trolagem política é normal e alcança níveis de audiência absurdos.

Veja o caso dos EUA.

Vejam bem,não sou fã de americano,acho o povo mais arrogante do mundo.

Mas  veja o que acontece por lá em época de eleições.

Sátira política tem audiência garantida nos EUA

Fernando Eichenberg, de Washington

Nos Estados Unidos, a sátira política não é só uma tradição secular garantida pela lei e tolerada até pelos mais mal-humorados.

Os próprios políticos aderem ao jogo e estimulam a autoironia. Um dos exemplos mais emblemáticos é o Saturday Night Live, o programa humorístico mais popular da TV americana, que usa e abusa da troça política, com a anuência de suas vítimas, a permissão da Justiça e a audiência dos telespectadores.

Na última eleição presidencial dos EUA, em 2008, o programa recebeu destaque internacional ao deitar e rolar com a imitação de Sarah Palin, candidata a vice na chapa republicana, protagonizada pela atriz Tina Fey.

Além da impressionante semelhança física com o personagem original, a comediante soube usar com talento o potencial humorístico proporcionado pela singular ex-governadora do Alasca, reconhecida por suas gafes.

A elogiada performance rendeu a Tina uma estatueta do Emmy, prestigiado prêmio da TV americana. Bemhumorada, Sarah aceitou contracenar com sua sósia numa das edições do programa. Na noite de sua aparição, o Saturday Night Live foi visto por 14 milhões de telespectadores, a maior audiência alcançada em 14 anos.

Desde 1975, quando foi criado, o programa se ilustrou na sátira mordaz às figuras públicas e, em especial, aos políticos e titulares da Casa Branca. A exemplo de Tina-Palin-Fey, o ator Chevy Chase se fazia passar por um Gerald Ford presidente trapalhão, Dana Carvey parodiava George Bush pai, Darrell Hammond imitava o popular Bill Clinton e Will Ferrell não poupava o texano Geoge W. Bush júnior. A grande maioria dos líderes visados não recusava o convite para participar de um esquete ao lado de seu imitador, mesmo sem a garantia de que a galhofa poderia render mais votos em período de campanha eleitoral.

FONTE.

images (2)

Viram?

Em países realmente democráticos isso é garantido por lei.

Não tentem impor por meio da força,algo que todo mundo já sabe,que o “ ninho Brasília” é um ótimo lugar “para trabalhar” e que neguinho mata a mãe para poder mamar nessa teta chamada POLÍTICA BRASILEIRA !!!

Argh…

comentários
  1. Marcellus disse:

    Você está sendo muito condescendente com os políticos brasileiros, eu diria que 99,99999% não prestam nem para limpar as privadas do congresso. E o pior é que a maior parte da sociedade brasileira assiste a isso sem fazer nada, nem ao menos votando direito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s